Sinal de crise na

Folha de S. Paulo/Outro Canal

KEILA JIMENEZGlobo

Vive turbilhão de mudanças em dois anos

O samba do crioulo doido. A expressão é sinônimo do clima vivido por funcionários e artistas da Globo atualmente, com tantos abalos sísmicos na programação e na direção do canal de uns tempos para cá.

Nem o SBT, nos nada saudosos tempos de reviravoltas constantes em sua grade de atrações, mudou tanto como a Globo nos últimos dois anos. Nunca na história da rede tantos diretores foram dispensados e aposentados quase simultaneamente.

Também nunca houve tantas alterações na bancada dos noticiários do canal, com trocas em curto espaço de tempo envolvendo clássicos como “Fantástico”. Há também formatos que viraram mutantes ambulantes, como o “Vídeo Show”, que pode voltar para as mãos de Boninho. Isso sem falar da audiência, que segue batendo recordes negativos mesmo com os bons ventos da Copa.

Em 2015, quando completará 50 anos no ar, a Globo passará novamente por uma grande sacudida, com a divisão de poderes deixados por Manoel Martins, que sairá do cargo de diretor de entretenimento do canal. Os diretores sobreviventes já estão se engalfinhando, cada um por sua fatia do bolo de Martins, que envolve a linha de shows e dramaturgia. O cinquentenário promete.

Anúncios

Sobre Antonio S. Silva
Jornalista, mestre pela PUC/SP, doutor pela UnB e professor da (UFMT). Importante o diálogo para construir um país melhor.

Deixe o seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: