Mais Jornalismo

nodebate – Assustadora a transformação da mídia tradicional brasileiro nas últimas semanas, com mais otimismo sobre a economia brasileira. Algo que não ocorria por anos a fio. Os cadernos de economia apontam saídas para a crise no Brasil, com crescimento, melhoria da qualidade de vida dos brasileiros, possibilidade de mais emprego, com uma Estado mais liberal e no caminho certo para o futuro, nas disputas globais.

Será mesmo que o cenário político e econômico mudou tanto assim, em tão pouco tempo? Não seria uma forma diferente de enquadramento da realidade? Ou mesmo informações mais centradas em “novos” personagens, mais “competentes”, daí a lógica da ordem e progresso? A olhos vistos, os novos atores são tucanos, dos bons tempos de FHC, na sua maioria, que ocupam cargos chaves na economia.

No final, a realidade pode ser a mesma, com novas subjetividades em decorrência de outra filosofia de Estado, mas dependente dos centros econômicos e desenvolvimentista. Pelo andar da carruagem, no entanto, a conta virá para a sociedade, de maneira socializada. Resta saber se haverá mais riquezas ou mais apertos; e, se realmente serão divididos, no final. Difícil de acreditar na divisão da riqueza, notoriamente, pela lógica histórica.

Não é difícil, no entanto, acreditar que precisamos de mais de Jornalismo.

Anúncios

Sobre Antonio S. Silva
Jornalista, mestre pela PUC/SP, doutor pela UnB e professor da (UFMT). Importante o diálogo para construir um país melhor.

Deixe o seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: